Print Friendly, PDF & Email

De uma hora para outra, tivemos de mudar nossa forma de trabalhar, viver e sobreviver, e muitos tiveram de simplesmente fechar seu estabelecimento comercial, outros perderam seus empregos, ou tiveram sua renda substancialmente reduzida, e as preocupações e incertezas se tornaram dominantes.

Muitos empresários estão preocupados não só com a saúde econômica de suas empresas, mas também com a leitura que seus clientes farão de sua ausência. Será que minha marca esta caindo no esquecimento? Será que meus clientes trocaram de fornecedor?

Porque você não pergunta a eles? Diga que esta vivo, amplie seu relacionamento, e quem sabe, faça negócios novamente. Não fique buscando o “retorno à normalidade”, pois não existe mais o normal que você conhecia, prepare-se para o pós-normal.

O que os consumidores estão necessitando nesta fase de isolamento?

Uma pesquisa da Kantar Ibope realizada entre 13 e 16 de março identificou que os Brasileiros esperam que as marcas sirvam de exemplo e conduzam as mudanças em tempos de pandemia. Os consumidores também esperam que elas sejam práticas e realistas, ajudando as pessoas no dia a dia. A pesquisa também identificou que outro posicionamento esperado, é que as marcas usem seus conteúdos para informar seu público, e que demonstrem estarem atacando a crise, e principalmente que ela pode ser derrotada.

Com relação à publicidade, segundo a pesquisa, mais de 80% dos entrevistados concordam que, nesse período de pandemia, elas devem informar as ações que realizam para lidar com esse cenário e manter a segurança de seus colaboradores e consumidores. É importante, segundo a pesquisa, que os empresários não explorem a pandemia para promoverem suas marcas. Por fim, segundo o tom, os entrevistados preferem um tom tranquilizador e desaconselharam o uso do tom humorístico.

O SEBRAE, separou algumas dicas, com base na pesquisa, para a empresa não errar no tom da sua comunicação:

  • Produza seus conteúdos baseados na empatia
  • Atente-se às necessidades do público
  • Segmente suas publicações para que elas sejam relevantes para o seu consumidor
  • Ofereça facilidades no pagamento e na entrega
  • Faça conteúdos otimistas
  • Não explore a pandemia na publicidade

Alguns casos interessantes

Separei três casos de marketing que achei interessante, em seguimentos, perfis e níveis bem distintos: O da Avianca, da farmácia CityFarma Taquara e da empresa de arquitetura athié wohnrath.

Avianca

Diferente de muitas outras companhias aéreas, a Avianca parece ter acertado o tom da sua comunicação em tempos de pandemia. A empresa focou mais no entretenimento e interação com o cliente. Usando a tag #AviancaEmCasa no hotsite que apresenta várias atividades por segmento de interesse, que de certa forma relacionam a marca da empresa, bem estar e cuidado com o interlocutor.

Reprodução #AviancaEmCasa

Nas comunicações por e-mail, chamou atenção a ideia de promover um live com um conhecido Cheff para fazer uma receita, já que o consumidor não pode ir ao restaurante, o restaurante vai ao consumidor. No e-mail tinha ainda a lista de ingredientes e o horário e link da live.

CityFarma Taquara

A CityFarma Taquara é uma pequena farmácia da rede CityFarma, localizada dentro de um posto de gasolina, na Taquara em Jacarepaguá.

Reprodução do Instagram da empresa

A farmácia tinha um perfil no Instagram antes da pandemia, e estão se adaptando rapidamente as demandas do consumidor em isolamento. Além de oferecerem uma solução para delivery de remédios controlados, tão necessários no momento atual, oferecem produtos e insumos necessários como mascaras, faceshield, álcool gel e outros por preços normais.

Oferecem atendimento pelo WhatsApp, através de uma conta comercial. Também estão de olho nas novas formas de pagamento contactless, aceitando PicPay e estão aceitando pagamento pelo aplicativo do auxilio emergencial.

athié wohnrath

A empresa de arquitetura athié wohnrath especializada em ambientes de trabalho, apresenta em seu portfólio trabalhos interessantíssimos, demonstrando sua grande expertise neste campo da arquitetura. A grande sacada foi o timming perfeito, provavelmente já estavam planejando a adaptação, protocolos e práticas a serem adotadas nos espaços profissionais nesta retomada precoce das atividades. Eles oferecem um guia bem completo, pelo qual pedem seu cadastro, e disponibilizam um vídeo (abaixo), que é basicamente um resumo deste guia.

Descobrindo os interesses dos clientes

Uma ferramenta útil para descobrir os interesses e tendências, em especial num momento em que boa parte da população está em home office, e por esta razão, utilizando ferramentas de busca como o Google para buscar produtos e respostas à suas necessidades, é o Google Trends.

Por falar em Home Office, o Google Trends aponta que o interesse no assunto saltou de 25 para 100 pontos entre 29 de março e 18 de abril, e agora está em 75 pontos.

Reprodução – Google Trends (24/06/2020) Assunto Home Office

Dentro do assunto Home Office as três principais consultas relacionadas são:

  1. Formula home office
  2. Dicas para trabalhar home office
  3. Segredos do home office

A primeira pesquisa vem de usuários em sua maioria da região sudeste, e as demais nas regiões sul e sudeste. As duas últimas pesquisas apontam uma grande tendência de alta no momento da consulta (24/06/2020).

O NEXO fez um estudo em 11/05/2020 sobre os aumentos nas buscas por determinados itens na quarentena. Por exemplo, a busca por pijamas aumentou 142% em relação ao ano passado. Cadeira de escritório, fritadeira sem óleo, quebra cabeças e aspirador também registraram um aumento de 50% em relação ao mesmo período.

Onde encontrar mais dicas e ajuda?

O Facebook também reuniu uma série de dicas para pequenos empresários manterem contato com seus clientes em tempos de isolamento.

O SEBRAE criou um portal exclusivo sobre dicas, tendências e orientações durante a pandemia.

O Google esta oferecendo mentorias gratuitas de até 30 minutos, nos temas:

  • Marketing Digital
  • Vendas On-line
  • Finanças e Contabilidade
  • Apoio Jurídico
  • Inteligência Emocional para Empreendedores
  • Inovação e Modelos de Negócio

O SENAI em parceria com o SEBRAE esta oferecendo consultoria gratuita de marketing digital durante a pandemia.

Agora que você já tem a inspiração e algumas dicas, é hora de estufar o peito e seguir rumo ao projeto do rumo da sua empresa no isolamento e no pós-normal.


2 comentários

Página não encontrada – JC Caribé Consultor e Professor · 26/06/2020 às 16:11

[…] O marketing em tempos de isolamento social […]

Não jogue seu negócio num abraço de afogado – JC Caribé Consultor e Professor · 26/06/2020 às 16:12

[…] você se preparar para desbravar o mundo VUCA, não deixe de fazer seu marketing, você não precisa abrir seu escritório ou loja para o cliente saber que você está vivo, ou […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.